Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Longa Gente Que Diz

Atendo pelo mesmo nome,
sou vizinho de uma porta,
tenho sentido das coisas
e me perco nas paredes,
que lá meu espírito entortam!

Sou vesgo por um seguro bem treinado,
gosto de cadeira macia e refinada.
Sou do interior e marcho lento
ao largo dos pardais
que vagueiam ao plento.

Ao cair da tarde atendo
pelo mesmo nome;
moro ao lado de um pacote turístico,
sou um evento sem exterior,
sem nunca ter visto o mar!
Nem me refeito no sal altruístico!

Sou certo até determinado ponto,
onde se ponteiam as cruzes,
sou determinado e longo,
mas me desfaço quando reservas
não há
no coração desta gente que, dizem,
de tantas luzes!

Quando sigo meu caminho, vou
com tristeza.
A todos perdi, com certeza.
Certeza disso tenho no meu vôo.

Por isso a tanta paz que te peço
está em suas mãos de meiadas caridades
Faz dela meu porto de chegada
e minha eterna permanência
em sua eternidade!

José Kappel
Enviado por José Kappel em 06/05/2006
Código do texto: T151168
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Kappel
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil
2147 textos (26780 leituras)
1 e-livros (125 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 00:00)
José Kappel