Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Me é negado...

Me é negado
Quase que simultâneo
O prazer de ter prazer
E ela acha certo
Virar de lado
Sem ter nada a dizer
Me é tirado
Num instantâneo
O prazer de ter prazer
E ela sai do pano
Como um rolo
Sem ter nada a fazer
Me é cortado
O prazer de ter prazer
E ela fecha o pórtico
Sem cadeado
E ri por me deter
Eu olho,
Me calo,
E deixo a vida responder por mim.

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 06/05/2005
Código do texto: T15127
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120252 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 22:20)
Peixão