Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Qual é o dia...

Qual é o dia em que não sentimos tesão?
Mas o que isso importa para ela?
Sua preocupação é hoje,
Como se o amanhã não tivesse mais salvação
Muito tempo, é certo, vivemos à míngua
Mas isso não dá direito de deitar falação
Como se fosse positivo ser afiada na língua
Falar sem pensar, sem olhar para trás
Ou quando olhar, buscar apenas os defeitos
Como se nunca tivesse virtudes e vitórias
Reclamar, reclamar, reclamando
Como se o destino, ao meu mando,
Nos impusessem tantos traumas
Hoje me escapa muitas angústias
As dores desse complexo de vida
Mas amanhã nascerá um novo Sol
E o seu brilho, adornará os meus caminhos
Com toda a sua força e simpliscidade
E eu voltarei a sorrir
E daí...

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 06/05/2005
Código do texto: T15143
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120250 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 08:37)
Peixão