Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AO PÉ DA LETRA

Escrevo.
Linha após linha,
a tentativa vã
de encontrar palavras
que traduzam sentimentos.
Por que escrevo?
Porque se tento falar,
é a resposta definitiva,
a boca não abre,
a língua é pouca
e as palavras,
imprecisas...
Nenhuma diz,
claramente,
incisiva,
a que veio,
o que se sente.
Nenhuma, nenhuma mesmo!
Procuro, procuro,
atiro a esmo....
Mas qual!
Nada de achar.
Conformo-me:
não sou mulher de palavra.
Ao pé da letra, me encontro
e aos seus pés me atiro.
Mas, nada, nada ...
suspiro...
eu sei sentir,
não falar!
Débora Denadai
Enviado por Débora Denadai em 08/05/2005
Código do texto: T15638

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Débora Denadai
Caracas - Distrito Federal - Venezuela, 54 anos
722 textos (154020 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 04:19)
Débora Denadai