Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Rei de Barro

cheguei sem ir,
mas fui lá,
e me desabei
e coisa e tal
fugi.

tentei,
mas certo
não deu !

decerto!

foi longe
e não
chegou.

chegou perto
e se desmanchou
de coração
aberto.

e tudo no escuro
ficou.

pois perto
de tal palácio
de barro e aço,
só brilham as
eternas, pras
amantes
do rei de laço.


José Kappel
Enviado por José Kappel em 16/05/2006
Código do texto: T157087
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Kappel
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil
2147 textos (26787 leituras)
1 e-livros (125 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 14:41)
José Kappel