Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Verso sem nexo : Ode à preguiça!


            a voz se calou
           os olhos fecharam
           e as mãos cruzaram

         dolente calmaria
         numa tarde fria
         convida à dormitar

         café quentinho
         sapatos de lãs
         torradas e avelãs

            filme na televisão
            inquieta na solidão
             em casa sozinha

            bocejos lampejam
            o sono que insiste
            : preguiça existe!
NENINHA ROCHA
Enviado por NENINHA ROCHA em 17/05/2006
Código do texto: T157990
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
NENINHA ROCHA
Guarapuava - Paraná - Brasil, 56 anos
310 textos (10916 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 15:58)
NENINHA ROCHA