Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O último Deus-Homem

Observe,
Veja que erro
Não, não nego
O erro,
Eu desejo
E acerto
Uma, duas...
quantas vezes?

Explicar?
Não sei...
Não cabe a mim.

E os dias passam
ao passarem as nuvens,
ao passar a chuva

E, em alguma
das inúmeras partes
que compõe-me,
opõe-se
uma
sem quê ser.

"Desejas um acerto?
Erras primeiro"
o passo no escuro
nunca é 100% seguro.

Mas até que provem o contrário,
sou o Deus em meu caminho
o último dos templários
A força que emerge
No ápice da queda,
E sou a liberdade
E a guerra,
A guerra...
Dio Lenno
Enviado por Dio Lenno em 18/05/2006
Reeditado em 19/05/2006
Código do texto: T158490

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Dio Lenno
Macapá - Amapá - Brasil, 31 anos
211 textos (12937 leituras)
3 áudios (314 audições)
1 e-livros (4 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 00:07)
Dio Lenno