Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mulher Ocasional

minha vida,
com entradas
de rosas,
e saídas
sem fim,
corre a vida,
e só encontra
pelas esquinas
dobradiças,
mulheres
ocasionais:
mulheres -
que sei lá -
moram
no fim do mundo.

mulher ocasional
tem riscos
iguais ás outras:
se vestem,
estão na moda,
usam calça
na barriga,
mas caminham
de passos vazios,
cheios de feridas!

outras,
são faceiras
ou fatais,
mas, no fundo,
vivem sem o azul
do céu.

são aquelas
que rodam de
três quartos,
nove fora,
e bebem,
de gole,
três
dedos fartos!

trocam de lençol
toda hora,
assim como se
a cama fosse
prato de
comida da
horta!

sei que o
caminho é falso
sei que também
é verdadeiro.

enfim, mulher ocasional,
está em todo lugar...
mas sua vida em lugar
nenhum !

que me salvem
os santos
de plantão:
mulher ocasional
entra por uma porta
e sai por outra.

ave!

só aprontam!
de amém!

não falo
mais,
nem dou
mais cem!

de mulher
ocasional
estou farto!
José Kappel
Enviado por José Kappel em 19/05/2006
Código do texto: T158727
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Kappel
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil
2147 textos (26786 leituras)
1 e-livros (125 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 17:50)
José Kappel