Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Zorba

Rosa Pena



Já não mais reclamo,
da falta do “eu te amo"
que o corpo exclama
baixinho no escuro.
Minha boca está seca
de tanto beijar
o travesseiro duro.

Já não mais brinco na cama
daquele jeitinho bem sacana.
Deixei de ser sapeca
caiu  minha peteca.
Só uma coisa me chateia.
Não ver mais a minha meia
misturada com a tua cueca.

Eu falo grego
meu nego?





Rosa Pena
Enviado por Rosa Pena em 19/11/2004
Reeditado em 31/10/2008
Código do texto: T159
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2004. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Rosa Pena
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
954 textos (1390171 leituras)
48 áudios (24755 audições)
33 e-livros (28799 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/09/16 07:15)
Rosa Pena

Site do Escritor