Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ah! Girassol...

Por que não assemelhamos a ti
Em busca daquilo que almejamos?
Buscando o calor e a luz
Que lhe sustenta a vida
Sem medo e desânimo...

Incansável Girassol...
Não dá importância ao tempo
Se claro ou escuro
Na sua busca contínua...

Não tem hora, não tem pressa...
Fixa tão somente teu olhar
Ao seu Deus chamado Sol
Que a força lhe revigora
É pura paixão, é total entrega.
Desmedida e natural...
Incondicional esse amor
Nos retorces de tua vida
Encontra a razão para tua existência...

Ah! Girassol...
Quem me dera amar assim
Confiar que a distância
Ainda que longa, não encurta
A certeza de encontrar em meio
As chuvas e tempestades
A luz que não aparece
Mas que o aquece
Por simplesmente sabe que ali está...

Ensina-me
Oh! Girassol...
Desse amor absoluto quero provar
Não deixe que os ais da minha vida
Impeçam-me de crer que amar é preciso
Ainda que essa certeza
Eu encontre na extensão que existe
Entre o Céu e a Terra...
ziza Silvestre
Enviado por ziza Silvestre em 20/05/2006
Reeditado em 15/06/2006
Código do texto: T159565

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ziza Silvestre
Ourinhos - São Paulo - Brasil, 53 anos
217 textos (14094 leituras)
1 e-livros (52 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 08:20)
ziza Silvestre