Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Avenida


Prático, comercial e banal.
Enfileirados na avenida,
a paisagem esquecida
pelas pernas cotidianas
preocupadas em chegar
a nenhum lugar.

Para onde se vai ou se chega?
O dia nublado,
as convicções.
O frio,
a amizade dos transeuntes.

Fala-se demais
São sinais, olhares...
O nada continua,
e ninguém se coloca no meio,
por consciência ou necessidade
sabemos que o vão continua,
e o frio,
a amizade dos transeuntes.
Tiago Branco
Enviado por Tiago Branco em 22/05/2006
Código do texto: T160861
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Tiago Branco
Varginha - Minas Gerais - Brasil, 32 anos
29 textos (1706 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 17:10)
Tiago Branco