Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto



Sei que caminhos
percorri até te encontrar.
Minha sede
de carinho que é tão grande.
Quem será?
Que me amará.
Tanto até me sufocar.
Me carrego em teus braços.
Pra viver tudo o que pensamos.
Esquinas andei por entre tantos
até encontrar-te.
De uma forma tão simples.
Fugaz amor.
Que chegou de brincadeira.
Desejos
de saciar minha vontade.
Minha sede...
De teus beijos.
De teus carinhos.
Um dia a mais.
Amanheceu.
E vejo teu rosto
entre tantos que já vi.
Mas sei que é contigo.
Sonho acabado.
Não!
Apenas iniciando.
Luzes.
Que refletem teu calor, tua luminosidade, teu vigor de apaixonado.
Tua pressão
em prender-me em teus braços.
E mostrar o lado possessivo dos apaixonados.
Paixão única.
Nossa.
Que desabrocha cada dia mais viva, mais quente, mais nossa.
Vamos fugir?
Pra um lugar só nosso.
Conhecido pela paixão, pelo amor que nos é presente.
Ah!
Querido...
Desenho no ar, na areia, no céu.
Teu nome unido ao meu.
Mostrando que somos dois
unidos em um
só.
Anja Perdida
Enviado por Anja Perdida em 23/05/2006
Código do texto: T161687

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Anja Perdida
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil
79 textos (3482 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 11:06)
Anja Perdida