Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Guerreiro Isento

Sou luz de dois pais,
fruto de mãe,
sou rendido,
feito um par de ás.

Na rua me chamam de desvairado:
me lançam pérgulas de ofensas.
Mas saio sozinho,
valente, como um guerreiro isento.

Hoje não tenho mais ela,
igual a mim, era desvairada.

Hoje, rodeada de gente,
vive nas esquinas,
abandonada de esperanças,
à procura de pássaros - pagadores.
José Kappel
Enviado por José Kappel em 28/05/2006
Código do texto: T164490
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Kappel
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil
2147 textos (26783 leituras)
1 e-livros (125 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 16:08)
José Kappel