Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

E o coração se recolhe


A noite chega
de mansinho,
Estupenda
noite enluarada,
Com seus encantos
e paixões,
Encobrindo
com seu manto
de névoa,
O coração triste
de pessoa solitária.
 
E qual
denso véu
De espessas
sedas,
Desperta
sentimentos
profundos,
Que calam
na alma
sofrida
De amor
não correspondido.
 
É sofrimento
e dor,
Que cunham
o espírito
de tristes
lamentos,
Levando
a profundo
recolhimento
E assim,
escondido
do mundo,
Entrega-se
para sempre
à solidão.
 
Que sina
triste
a desse coração,
Falar de amor
por linhas tortas,
E no entanto,
dele não viver,
Nem o encanto,
nem a magia,
Que poderiam
dar alegria
e vida
à esta poesia.
Maria
Enviado por Maria em 28/05/2006
Código do texto: T164856
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria
Blumenau - Santa Catarina - Brasil
4549 textos (185895 leituras)
1 e-livros (103 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 14:10)
Maria

Site do Escritor