Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O amor...

O amor
quando menos se espera
pode chegar e por vezes
nem chegamos a saber
nome a quem o deu...

O amor
quando nos chama
pode queimar
e doer...

O amor
sem ele, o que é
ser?...

O amor
é in_finito...

O amor...

{Este poema nasceu ontem (às primeiras horas do dia de hoje) num comentário, hoje resolvi publicar. O título podia ser o principio ou o fim, resolvi deixá-lo pelo fim: pelo seu eterno recomeço, pela sua inacabada definição.
Foi integrado numa ciranda, não costumo publicar coisas que ofereci, mas deixo e renovo: Saudação aos poetas e poetisas!
http://www.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=164604
Hoje acrescentaria outra visão, outro poema:

'amor eterno'

o amor é eterno
porque terno
não tem
termo}
Francisco Coimbra
Enviado por Francisco Coimbra em 29/05/2006
Código do texto: T165317
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Francisco Coimbra
Portugal
785 textos (310491 leituras)
37 áudios (39565 audições)
1 e-livros (148 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 00:36)
Francisco Coimbra