Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CATARSE

Geralmente me descubro
tão burro e insuficiente
tantas vezes que até discordo
que, como humano,
tenho e utilizo
todos esses infindáveis
10% de inteligência animal.

Na condição de errante,
descubro-me
como somente mais um
entre tantos como eu.

Pudera EU ser um semi-Deus
como tantos outros,
Mas o espelho
que reflete o rosto sonhador
diz-me que jamais serei um príncipe:

Sou apenas mais um ridículo
dizendo que sabe,
fingindo que sabe,
tentando saber

Mentindo que sente,
finjindo que sente,
tentantdo sentir.

Apenas mais um
que se descobre pequeno e insignificante
diante de tudo que respira,
que fala comigo,
"Eu, filho do carbono e do amoníaco".
Dio Lenno
Enviado por Dio Lenno em 29/05/2006
Código do texto: T165485

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Dio Lenno
Macapá - Amapá - Brasil, 31 anos
211 textos (12929 leituras)
3 áudios (311 audições)
1 e-livros (4 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 20:04)
Dio Lenno