Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eu não vou embora, não vou sair da sua vida,
pois vejo uma luz no final do túnel  ainda.
Todos os nossos pedaços vamos juntar,
a tempestade não será capaz de nos separar.

Desculpe-me se eu lhe causei algum mal,
palavras ditas sem pensar, causaram um vendaval.
Mas menina, saiba que eu me importo com você,
desgastes e rasgos, numa relação podem acontecer.

Eu sei que podemos reparar os nossos erros,
apenas quero que ouça menina o meu apelo.
Entre a gente houve muitos acertos também,
passemos uma borracha, no que não foi escrito bem.

Vamos superar esta crise, e juntos encontraremos a paz,
nunca pensei numa separação e deixar você jamais.
É contigo que quero passar o resto da minha vida,
esqueça o que aconteceu, enxugue as lágrimas querida.
 



Miranda de Moura
Enviado por Miranda de Moura em 21/06/2009
Reeditado em 06/11/2010
Código do texto: T1659598
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Miranda de Moura). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Miranda de Moura
São Bernardo do Campo - São Paulo - Brasil, 45 anos
1307 textos (20347 leituras)
27 e-livros (330 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/11/14 13:43)
Miranda de Moura



Rádio Poética