Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vazio...

Olhos a deriva
Não piscam no verso,
Absortos sorvem o nada,
Letras desatentas,
Desligadas emoções,
Cansadas pálpebras,
Poesia parada
Esmaga meus dedos,
Se afasta do sim
Rompe os sentidos,
Inércia das asas
Portas e janelas trancadas,
A palavra não ousa
Cair de meus lábios,
Pousa apenas na língua;
Engolida...não vem.
Pupila
Enviado por Pupila em 13/05/2005
Código do texto: T16758
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Pupila
São Paulo - São Paulo - Brasil
657 textos (21088 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 18:07)
Pupila