Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

De amor, morri




Mil vezes o coração pulsou enlouquecido

Vibrando desejos sem limites

E reações intensas reuni

Ao derrubar cada empecilho ou barreira

Mil vezes tive o corpo enrijecido

Queimando como por acinte

Até que um dia morri

Amando ainda, numa noite derradeira



Priscila de Loureiro Coelho
Enviado por Priscila de Loureiro Coelho em 03/06/2006
Código do texto: T168943
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Priscila de Loureiro Coelho
Jacareí - São Paulo - Brasil, 65 anos
1286 textos (215175 leituras)
1 e-livros (148 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 10:27)
Priscila de Loureiro Coelho