Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Trecho - Valsa dois por quatro e Carolina

Engraçado Carolina,

Sinto os meus tornozelos pulsarem

Conforme o contínuo barulho do relógio

Na parede

 

Ele tocava

Abrindo, fechando, entristecendo

Sorrindo

Cantando, calando, um dois

Um dois;

 Engraçado Carolina,

Ás vezes esta vida parecia-me uma valsa romântica de oito deitado

Em um compasso dois por

Quatro]

 

Anseio e olho para ti

Desatinado

Como sou ( e como tendia a

Ser, tu sabes )

Na tua nuca Nas tuas vértebras, já exaustas

De carregar tantas

Sacrílegas formas

Singelas

Episcopatológicas

Estrelas de mármore

Nestes ombros sombrios de mulher do mundo ( ... )

Parangolérico Kaloré Kerexu
Enviado por Parangolérico Kaloré Kerexu em 04/06/2006
Reeditado em 07/06/2006
Código do texto: T169373
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Parangolérico Kaloré Kerexu
Salvador - Bahia - Brasil
11 textos (370 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 14:11)
Parangolérico Kaloré Kerexu