Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O SOL NÃO MORRE...




O sol não morre
nem na hora do seu Poente,
quando a noite escorre
silenciosa…comovente…

Também não morre o Amor
mesmo se se perde da nascente,
continuará com todo o ardor
buscando seu afluente…

Pode-se perder o ente amado,
as ilusões,
as emoções
e até o sonho não sonhado…
Mas o Amor
que se viveu
e também a dor
que se sofreu
serão o efémero eternizado!

O sol não morre
nem na hora do seu Poente.
Mas o pranto às vezes escorre
nessa hora triste, tão pungente…

Também o Amor que o foi
não se esvai. Fica e continua.
Tal como a ferida que dói…
e só nós sabemos onde se situa!




















HELENA BANDEIRA
Enviado por HELENA BANDEIRA em 04/06/2006
Código do texto: T169491
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
HELENA BANDEIRA
Portugal
397 textos (11665 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 18:24)
HELENA BANDEIRA