Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Muralhas

Algumas muralhas se ergueram
Por minha
Escolha e decisão,
Como as da China
Para   defender me da invasão.
Outras,atravessei
Entre lágrimas e sussurros
Como as familiares,
Para que não se  criassem novos muros.
Inúmeras outras abri,
A golpes  de facão e machado.
Por não  permitir que meu trabalho,
Por alguém fosse desrespeitado
Muralhas   que não se quebram para mim,
Que fecham os olhos e o coração,
São aquelas com sabor da perda de
 Amigo, filho  ou Irmão.
 Muralhas
 Permitem-se
 Atravessam-se
 Abrem-se
 Quebram-se
 Ou simplesmente deixa –se ficar...
lisbella
Enviado por lisbella em 16/05/2005
Código do texto: T17378
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
lisbella
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 50 anos
345 textos (16836 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 02:29)
lisbella