Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Plano

Acordar...
Pensar em abrir a porta
e brincar de ser perverso,
carregar em minha mente
a culpa inteira do universo.
Seguir os rastros
da calda de um cometa
chamado dor,
lamentar o resto
do que sobrou de mim.

Levantar...
Olhar para frente
querendo voltar para trás,
resgatar o que puder
das mensagens espaciais.
Num planeta chamado ódio;
a vida imita a morte.
Eu tenho um plano
para nós:
O infinito é nosso lar

Dizer...
Não quero que me entendas
sem vontade.
Eu vejo tua alma cansada;
um sim não é o bastante.
Convido-te a uma existência
em outro plano.
O desafio é descobrir
o caminho...

Já não tenho sono.
Dil Erick
Enviado por Dil Erick em 17/05/2005
Código do texto: T17429
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Dil Erick
Macapá - Amapá - Brasil, 29 anos
325 textos (13535 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 14:30)
Dil Erick