Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VIDA MOLECA E O APITO DO TREM

NA PEQUENA  CIDADELA
COM HISTÓRIA DE CINDERELA
PASSAVA A VIDA MOLECA
DAQUELA MENINA SAPECA.

NO PEQUENO LUGAREJO
QUANDO O TREM APITAVA COM FESTEJO
COMUNICAVA SUA PRESENÇA
PRA FAZER A DIFERENÇA.

APITAVA COM VALENTIA
E A TODOS ATRAÍA
QUANDO ENTÃO  A MOLECADA CORRIA
PRA VIVER COM ALEGRIA.

UMA DUAS TRES VEZES AO DIA.
O TREM APITAVA COM REGALIA
E COM REBUSCADA HARMONIA
CHAMAVA A MOLECA GURIA.

MENINA SAPECA
CAMINHAVA SOBRE OS TRILHOS
SALTITAVA  TODA MOLECA
CANTAVA COM FOLIA
E BRINCAVA SEM NOSTALGIA.

IDO O TEMPO
A MENINA SAPECA
FEZ-SE MOÇA MOLECA
E CONTINUAVA ESPERANDO O TREM
QUE APITAVA POR UM VINTEM.

ASSIM, DIARIAMENTE, A MOLECA SE ÍA.
AO ENCONTRO DO TREM DO DIA
QUE CARREGAVA SUA FANTASIA
A QUE TUDO MERECIA.

ENTREGAVA-LHE AS CARTAS DE AMOR
CARREGANDO TODO EXPLENDOR.
TRAZENDO-LHE TODO CALOR
DE UMA VIDA SEM TEMOR.

O SOM DAQUELE APITO
DO TREM ENCARRILHADO.
JAMAIS RESTOU DESMEMORADO
NO CORAÇÃO DA TÃO BELA
FORMADA CINDERELA.

HOJE,
COM SAUDADES DA LEMBRANÇA.
FECHA OS OLHOS A SAPECA
E VÊ A VIDA MOLECA
QUE TINHA TANTA ESPERANÇA

OUVE  AINDA O APITO DO TREM
QUE TRAZIA A SEMELHANÇA
DO FUTURO COM CONFIANÇA
E QUE  FAZIA TANTO BEM.



(À MINHA MÃE COM TODO CARINHO)
selene
Enviado por selene em 14/06/2006
Código do texto: T175613
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
selene
Itapema - Santa Catarina - Brasil, 53 anos
36 textos (1983 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 16:41)
selene