Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CEGA-MENTE


Vaga a mente
na flor da alma
que desabrochou esquecida
murchou na tristeza
que foi escorrendo em mim
em rastros de sonhos perdidos
passos distantes, calados
sem rumo no perfume dos ventos
da apressada primavera
desfolhados outonos
verões que aqueciam o coração

o chão de estrelas e o luar
estavam tão,tão perto
e eu cega
lenta-mente
nada, nada vi

agora vou morrendo
definhando na saudade
em tudo que perdi
e nada vivi.

15/06/06
Maria Thereza Neves
Enviado por Maria Thereza Neves em 15/06/2006
Reeditado em 15/06/2006
Código do texto: T176162
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Thereza Neves
Juiz de Fora - Minas Gerais - Brasil
3341 textos (90985 leituras)
6 e-livros (224 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 20:48)
Maria Thereza Neves