Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pouso no Frio

desta vez,
devagar
e rosado,
sigo depois.

lustro meus
passos de carmim,
roubo da sombra
um fisco de sol,
alambro meus
lábios da
lembrança
dos seus,
mais vou depois.

desta vez,
só vou depois,
e muito ouso!

pois prá voltar,
só igual
sombra
de outro,
reencarnação
de bravos,
ou pouso
de lápide
fria.

José Kappel
Enviado por José Kappel em 20/06/2006
Código do texto: T178829
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Kappel
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil
2147 textos (26789 leituras)
1 e-livros (125 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 10:29)
José Kappel