Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ACORDA MULHER!

Acorda, acorda, Mulher!
Donde vieste?...
Porque trouxeste contigo essa alma-sonho
árvore, água, pássaro
que te impede de viver?
Não vês que não consegues caminhar com ela ao lado
que ela atropela os teus passos?
Soterra essa predadora de utopia
põe-lhe mordaça e algemas
esconde-a ou mata-a se necessário!
Depois caminha sozinha
finge que és apenas corpo
só sensualidade e concupiscência
e terás enfim o amor dos homens...
Ama-os como só tu sabes amá-los
bebe-lhes o sangue e os desejos, sacia-lhes a carne
e jamais chorarás homem algum
pois só te restarão lágrimas para chorar essa alma-sonho
árvore, água, pássaro
que tu própria assassinaste
                                                         
 
(In 1ª Antologia Poética Universal do Grupo Ecos da Poesia
Abril 2005- S.Paulo-Brasil)
Carmo Vasconcelos
Enviado por Carmo Vasconcelos em 19/05/2005
Código do texto: T17894
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Carmo Vasconcelos
Lisboa - Lisboa - Portugal
203 textos (15408 leituras)
62 áudios (7662 audições)
15 e-livros (1367 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 08:49)
Carmo Vasconcelos