Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

{?!?}

Onde está o silêncio
Que o tempo roubou?
O que brilha nesse instante
Em que sou desesperança?

Resta do sonho um pouco de lucidez,
Ou da loucura sou todas as letras?

Espatifaram as verdades que existiam
Onde as esquinas dobraram a vida?
Que tem no sabor da alegria
Quando paz, só com o ópio?

Prisioneira de suas vontades
Sou livre em grades, no fundo do copo?

Esse tal de paraíso que dizem
Existe sem ser causa perdida?
Poucas pessoas vivas sabem,
Do que falo quando calo?

O que digo, silencio-grito,
Pertenço a sua voz nas invenções do mundo.
Eliane Alcântara
Enviado por Eliane Alcântara em 19/05/2005
Código do texto: T17979
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Eliane Alcântara
Lajinha - Minas Gerais - Brasil, 43 anos
177 textos (8649 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 16:00)
Eliane Alcântara