Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

alieNAÇÃO ( ou, o patriota idiota )

“Eu te amo meu Brasil,  eu te amo !
 Ninguém segura a juventude do Brasil “

         (Famoso hit dos anos ’70 – durante a ditadura militar)


Ronaldo está gordo
lá na Alemanha.
Como sofre o coitado,
não pensem que é manha.

O menino está magro
aqui no Nordeste
- Ele tá é com frescura,
esse cabrinha da peste!

Estão preocupados
com o quadrado mágico
Se perdermos a Copa
será um fim bem trágico

Aqui na escola
também tem um quadrado:
a professora com medo
e o aluno armado.

O próximo sonho
é ganharmos de Gana
Afinal, são da África
e o Kaká é que é bacana

E aqui na favela
a gana é comer
Se for pouca a comida,
o importante é torcer

Ele diz: sou patriota!
- prá agradar o povão
Mais parece um idiota
- gosta da alieNAÇÃO

Merchandising: Esta é uma poesia de baixa qualidade,
               mas  é  patrocinada pela empresa   de
               Lavadoras de Cérebros da marca NIQUE.






Dionisio Teles
Enviado por Dionisio Teles em 23/06/2006
Reeditado em 23/06/2006
Código do texto: T180879

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Dionisio Teles). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Dionisio Teles
Barueri - São Paulo - Brasil, 64 anos
177 textos (43600 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 22:51)
Dionisio Teles