Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Hidra

Regenera-te
Hidra decepada
Não de membros desprovida,
De coração sugado
De alma soprada.

Regenera-te
O tempo não espera
Corpo disforme
Maremoto dilacera
Distende as fibras
Rompe as veias.

Regenera-te
A vida se esvai
Em rio vermelho
Caminha para o mar
Abre canais no sal
Resta nada afinal.

Regenera-te
Que o sol se põe
O escuro vem
Frio se faz
Te congela
Ou regenera-te
Hidra...
Só te resta
O final de mais um dia...
Izabel Martho
Enviado por Izabel Martho em 20/05/2005
Código do texto: T18117

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Izabel Martho
São José do Rio Preto - São Paulo - Brasil
22 textos (2712 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 20:30)
Izabel Martho