Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Tu eras



Tu eras a nascente da poesia
que de madrugada rompia
e me inundava o coração
de silêncio, volúpia e magia.

Tu eras a verdade
que criei para minha vida...
repleto de cores e esperança,
que me abria em riso e alegria.

Tu eras o motivo da manhã,
do meu acordar em festa,
do brilho da minha retina,
do meu esperar e da minha pressa.

Tu eras a razão de eu estar aqui... 
No tempo do amor, te amei em segredo
e em tempo de chuva,
sentei-me para te ouvir...

Tu eras o castelo da felicidade,
desenhado pelas mãos da natureza.
Tu eras o pecado sem maldade
que um dia partiu sem se despedir...
Angela Lara
Enviado por Angela Lara em 25/06/2006
Reeditado em 02/07/2010
Código do texto: T182100
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angela Lara
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 55 anos
1830 textos (247902 leituras)
53 e-livros (15732 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 12:25)
Angela Lara