Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Me engana que eu gosto!

Me engana que eu gosto!
====================ErdoBastos

Qualquer ilusão me serve
Numa hora como esta
Em que meu coração ferve
Sente tudo que não presta

Preciso pensar algo bom
Ainda que seja mentira
Melhor qualquer ilusão
Mesmo que depois me fira

Na hora que se perde um amor
No qual se apostou tanto
Como resistir esta dor?
Como cessar este pranto?

Talvez, mesmo que apenas por fora
Iludindo o coração
Suporte melhor que agora
Tão grande desilusão

Qualquer um, eu aposto
Diria em hora como esta
Me engana que eu gosto.
Põe outra dor no lugar desta

Porque a imensa dor da perda
É pior que dor de dente
É preciso que ela ceda
Não há quem a agüente

Não há sedativo ou ungüento
Nem calmante que de jeito
Muitos, em igual momento
Dariam um tiro no peito

Mas eu, não vou fazer isto
Vou conseguir superar
Em ter esperança, eu insisto
Vivo, talvez ela possa voltar

ErdoBastos
Enviado por ErdoBastos em 26/06/2006
Código do texto: T182405

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ErdoBastos
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 61 anos
789 textos (36903 leituras)
2 áudios (124 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 12:29)
ErdoBastos