Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Acalanto

minha boca invadiu seu corpo,
retirou dele todas as delícias,
toda a seiva bruta que nasce
dos embates inconseqüentes

hoje provei da sua língua,
do seu fogo quase alucinado.
hoje me vi um gigante,
um menino que ficou grande

tentei cuidar de mim pra você,
me dei loucamente por inteiro
sem retirar arestas ou farpas
estava nu como vim ao mundo

nada mais justo ou sagrado
nada mais louco ou profano,
a vida nos deu de presente:
eu a você, você a mim – nós
Pedro Cardoso DF
Enviado por Pedro Cardoso DF em 27/06/2006
Código do texto: T183099
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Pedro Cardoso DF
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 68 anos
4322 textos (94847 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 23:15)
Pedro Cardoso DF