Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DESDÉM

lisieux

E o teu rosto vai perdendo os traços
nas brumas do passado tão distante
e o meu coração, tão inconstante
já não consegue refazer-lhe os passos.

A tua voz eu já não reconheço
e o teu sorriso foi-se da memória
já não consigo relembrar a história
que foi crestada ainda em seu começo.

Foi-se com a noite, o brilho dos teus olhos
em meio às flores, despontaram abrolhos
no corpo teu, perdeu-se o meu calor...

Mas se ternura eu já não mais te tenho
se o teu carinho eu até desdenho,
por que eu sinto falta desse amor?

BH - 21.11.04
lisieux
Enviado por lisieux em 20/05/2005
Código do texto: T18348
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
lisieux
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 61 anos
394 textos (14454 leituras)
3 e-livros (409 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 12:52)
lisieux