Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mil noites

             
                 (co-autoria: Beto Emid)

Século remoto,
no oriente distante,
o palácio, seu harém,
eunucos e soldados
dormiam.
Em sedosas almofadas,
um emir sonhava.

E, em seu sonho,
caminhava ele
pela cidade, fenestras,
disfarçado,
entre seus súditos,
a perguntar-lhes
o que era o amor.

Aproximou-se de um cego poeta,
fixou profundamente seus olhos
e viu neles estranhas imagens:
o futuro vinha buscá-lo,
séculos após,
ocidente presente,
momento de amor.

Cama e seus travesseiros,
duas pessoas nuas,
abraçadas,
cantando rockabilly,
debaixo de um cobertor,
ausentes do tempo.
- Será isso, o amor?

Quando a resposta mais sábia,
reveladora das emoções humanas,
finalmente, se anunciava,
o cego serrou os olhos
e o emir despertou
trazendo ainda na lembrança
acordes da estranha música
que, juntos, os amantes sussurravam.


vitória Paterna
Enviado por vitória Paterna em 28/06/2006
Reeditado em 28/06/2006
Código do texto: T183522
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
vitória Paterna
Santo André - São Paulo - Brasil, 63 anos
133 textos (8673 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 04:22)
vitória Paterna