Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vigas de Figo

Deixas vigas de
figos ao lado
de laços de doces,
rompe umbrais desta manhã,
onde reflete a luz de cores,
o vigor do pássaro,
sombreado pelo meio-sol da vida,
como andores de
deuses,
e onde permaneço fiel ao tempo, mas sempre devedor das sombras
pelejas.

Lugar nenhum,onde você
não está.

Lá, sempre plantam saudades.

Onde parte de sua sombra,
sem voz,
me apeleja
de vinho, sempre
bebido com honra !

José Kappel
Enviado por José Kappel em 28/06/2006
Código do texto: T183605
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Kappel
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil
2147 textos (26782 leituras)
1 e-livros (125 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 08:44)
José Kappel