Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sem rédeas

“Não me dêem cabresto, / porque eu tenho asas e a intuição dos rumos...” (Nísia Nóbrega)
*****************************************

Não quero
a hora dos teus ponteiros
escravizando meu indigesto tempo;

Quero meu tempo
ruminando todas as horas
da minha ingênua e faceira liberdade.

Não quero
a alma escrava no tempo,
nas mãos de tuas horas marcadas;

Quero minh’alma
presa apenas nas horas
que me fazes do teu amor escravo.

Não quero
a intuição dos rumos
na sofreguidão da mansa correnteza;

Quero a certeza
desse amor arrebatador
nas margens opostas que nos bebem..
Kal Angelus
Enviado por Kal Angelus em 29/06/2006
Código do texto: T184316
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Kal Angelus
Teresina - Piauí - Brasil
322 textos (9131 leituras)
1 e-livros (4 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 22:54)
Kal Angelus