Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Maria Guerreira? Quando luto por mim, só sei morrer


Vivo de guerra em guerra,
Passeando pelos jardins.
Correndo ruas escravas,
Voando alada nos pátios,
Onde moram dores, retratos,
De vidas que já nem são mais.
 
Faço guerras,
Ergo bandeiras,
Grito por elas,
Sem medo de ali morrer.
Mas quando luto por mim,
Que pena, só sei perder.
 
Atravesso campos de flores,
Qual águia desembalada.
Levo frutas, capim no bico
Para mais um ninho construir,
Mas quando na rocha chego,
A fenda está ocupada,
Por outra águia alada,
E volto pros campos sofrer.
 
Faço guerras,
Sem querelas,
Luto por elas,
Sem nada temer.
Mas quando luto por mim,
Que pena, só sei morrer.
Maria
Enviado por Maria em 29/06/2006
Código do texto: T184341
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria
Blumenau - Santa Catarina - Brasil
4551 textos (185940 leituras)
1 e-livros (103 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 10:10)
Maria

Site do Escritor