Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

INCOERÊNCIAS...

"...Não sei se te amo
não sei se te odeio
Se fomos um do outro
realmente eu não sei...
Nesta hora de saudade sem explicação,
a única coisa que sei
é que minha vida inteira
foi parte de você...
Um tênue véu cobre com vergonha
todas as mágoas que você me deu
E eu me renego
porque traio a mim mesma,
assim, sem remorsos,
quando as emoções desgovernadas
se perdem umas nas outras
me fazendo perdoar toda dor...
Enfraquecida diante desta verdade
só lamento todo o orgulho
e todos os anos que foram teus...
E é por isso que, agora,
quando de repente o seu nome grita,
fecho os olhos e me escondo com medo,
dentro daquele desenho incompleto
que os olhos apertados esboçam
tornando as linhas do pensamento
disformes...
Quase que um branco,
tela despigmentada,
natureza morta..."
Sonia Pallone
Enviado por Sonia Pallone em 21/05/2005
Código do texto: T18473

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Ex: cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sonia Pallone
Atibaia - São Paulo - Brasil, 66 anos
277 textos (18129 leituras)
2 e-livros (160 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 06:23)
Sonia Pallone