Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sonho só

Em agradecimento a minha amiga MEL pela ocasião de sua visita ao recanto, cujo comentário se encontra nesta página e logicamente o poema abaixo de coração a ela escrevi

A felicidade e a emoção me dizem o que devo então te dizer
Empinar pipa nos leva a doce sensação da alegria de viver
Viver a liberdade do amor pleno mesmo que seja sob o sol
Quente do verão, sob a brisa fria do inverno ou sob neblina
Do amanhecer cortando o ar poluído que há em todo o ser.

Tamanha é a felicidade de em meu recanto te receber
Falando duma criança que é parte do teu ser,
Vinda de seu ventre pois fizestes por merecer
Um filho que ama a liberdade das pipas voando
Sobre as casas fazendo teu ego enriquecer.

Há tempo alguém me falava de ti com a felicidade
Estampada no rosto, falava por simples gosto,
Como fosse uma linda flor no botão a crescer,
Como fosse a beleza dos deuses de  amor a
Balbuciar, como fosse uma deusa do fundo do mar

O tempo pôs-se a passar e o poeta sôfrego vivia só a pensar
Na tua voz macia que podia estar na terra ou no além-mar,
Distante, muito distante fazendo noites brilhar, brilhar
De amor fraterno a quem se dispusesse  a amar, viver e
Com amor infinito sonhar
R J Cardoso
Enviado por R J Cardoso em 01/07/2006
Reeditado em 02/07/2006
Código do texto: T185381
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
R J Cardoso
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
3128 textos (79545 leituras)
2 e-livros (393 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 09:45)
R J Cardoso