Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Alcachofras Combatidas!

Cabo de guerra em chão valente
Tudo vai por terra, é gente do trecho,
Logo enterra quando falta respeito,
Daquilo que oblitera, sina & contexto,
Madeira que se cerra, néon na estrada...

A verdade virá, do falso ao que mente,
Maldito que dirá, padece isolado,
Nave no agora, ser clandestino,
Bate noutra tora, tantos balões de ensaio,
Vaso de Pandora torna útil o apetrecho...

O veneno voa, corra, cuspe que na cara bate,
Feito água, escorra, voz que decadente,
Atira lá na serra, margem na vida bruta,
Neste subalterno côncavo que soterra o circunflexo,
Sutil com a desforra, onde nada entende...

Sobram choros na cama, pois o lugar é quente!

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 03/07/2006
Código do texto: T186688
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120250 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 02:11)
Peixão