Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Fusion – IV

Quanta insistência, ainda ficam lambendo mais,
E os amerikanos chutando o cu de todo mundo,
Palhaçada miscigenada por escrotos brancos,
Putos que fugiram do velho mundo, expulsos,
Tocaram fogo por lá, até hoje ardem,
E se acham no direito de dizer o que é melhor,
Alguém sempre circulou mais que os outros,
Tomando de assalto tudo que lhes interessavam,
Toda vez que um levanta a voz, medrosos,
Borram-se com medo de maior represália,
Dos mais fortes, minam todas as resistências,
Frações de domínios incautos & rarefeitos,
Alianças para a ampla manutenção do status,
Que se foda o resto do mundo, apenas comprem,
Fazem a mídia determinar ritos & atitudes,
Personificam tudo, qualificando ao bel prazer,
Doce na boca até você tentar uma mordida,
Só vai ficar com o vento & a dor de dente,
Continue balançando a bunda por aí,
Com um copo de gelo & algum destilado,
Quanto maior o foguete, maior a exposição,
O seu rabo exposto serve de tira-gosto,
Se não gostar, pode ir se danar...

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 04/07/2006
Código do texto: T187369
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120252 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 06:05)
Peixão