Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Modus vivendi

"Todos sabem o que acontece nas suas vidas,
mas ninguém percebe o que se passa na minha..." (Mark)

************************************************

Meu amor, não se iluda
nem todo poeta é veludo;
não machuque sua mente fina
nas duras penas da minha poesia.

E se bem me conheces,
bem sabes das escarpas
dos caminhos onde tropecei.

Das dores fiz meu canto,
compus meu próprio refrão!
Ao pedido dos céus
muitas vezes disse não.

Nas noites, pequei na madrugada,
desviando-me do correto querubim.. .
Fiz nos corredores dessa subida
um atalho à tua alma junto a mim.

E, se bem mesmo me conheces,
Bem sabes que não uso seda
nem tenho cheiro de jasmim;

Viajo célere ao meu calvário
Com a roupa e o cheiro
do meu próprio dano;
Sou essa errante alma de Apolo
Neste invólucro de Vulcano.
Kal Angelus
Enviado por Kal Angelus em 04/07/2006
Reeditado em 04/07/2006
Código do texto: T187443
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Kal Angelus
Teresina - Piauí - Brasil
322 textos (9130 leituras)
1 e-livros (4 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 15:46)
Kal Angelus