Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poética de Mim

Porei no meu lápis um lindo canto
Onde um dia, subtil beleza nasceu
Direi em meus versos, algum pranto
das alegrias também nos versos meus

Onde tudo se propôs para um renascer
Num poetar puro sem nenhuma pretensão
São os bocados vividos deste meu ser
São escolhos escondidos em meu coração

São pedaços desta alma que me irmana
Carrego comigo esta nobre concatenância
Semeio palavras, em alva transparência

Divago em poesia, onde vagueio insana
Peados de nascer meus sonhos e inocência
Nestas estrofes ganham vida e essência



Cecília Rodrigues
Enviado por Cecília Rodrigues em 04/07/2006
Código do texto: T187600
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cecília Rodrigues
Viseu - Viseu - Portugal
129 textos (5673 leituras)
5 áudios (542 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 01:18)
Cecília Rodrigues