Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SER POETA

Para falar de amor não faço construção rara
Nem escrevo com a caneta mais cara
Basta que sinta da inspiração o aperto
Toda manhã no meu peito.

Para ser poeta não é preciso sofrer
Nem dos odores da morte viver
Basta olhar a natureza e sua beleza
Que o verso flui com leveza.

Para ser poeta não precisa ser letrado
Basta ter a alma pura, ver as coisas simples da vida,
Encontrarás inspiração numa rosa pendida
Ou num pequeno lírio perdido no prado.
Maria Hilda de Jesus Alão
Enviado por Maria Hilda de Jesus Alão em 22/05/2005
Código do texto: T18870

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Hilda de Jesus Alão
Santos - São Paulo - Brasil
848 textos (343267 leituras)
19 áudios (10580 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 00:09)
Maria Hilda de Jesus Alão