Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pintada

E de repente, ele olha nos olhos dela, e vê que aquela figura alva agora desbota de tantas cores, e diz: “Não gosto de você pintada”. Pois de tanta beleza e brancura que se via, numa pele linda e rosto novo, agora estava ancorado com todas aquelas cores. E de rosto de menina, com toda a inocência, virava agora uma mulher, com toda a malícia embutida num só olhar. Parecia até que o mundo se transformava ao seu redor, e o que antes era insólido agora era terreno, apenas por causa de um rosto, pintado...
A S Siqueira
Enviado por A S Siqueira em 09/07/2006
Reeditado em 28/07/2006
Código do texto: T190764

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
A S Siqueira
Recife - Pernambuco - Brasil
70 textos (2381 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 20:28)
A S Siqueira