Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Minha lembrança:


Porto Seguro: 1986

Não tenho o poder dos sentimentos
Para te amar e viver em teu mundo
Mas tenho comigo um grande amor
Pra viver contigo, nossos momentos.

Amar-te, não seria nenhum sacrifício.
Mas um privilegio poder dividir contigo
Meus sonhos minha alegria minha vida
Por isso agradeço, por estares comigo.

Nestes momentos que sonhos se realizam.
Evidencias de um futuro promissor e longo
Para vivermos com dignidade e esperança
Neste mundo onde a nossa única verdade
E o sonho que se carrega através dos anos
De um amor que viverá em minha lembrança

Pelotas: 2006

Sim: um amor que viverá em minha lembrança
Porque, eu jamais entendi, a nossa separação.
Vinte anos se passaram, não consigo esquecer.
O nosso filho, que era a nossa única esperança.
Sim, era a única esperança, deste amor proibido.
Vividos com intensidade, hoje, faz nós dois sofrer.
Culpar quem, seu mundo por não me aceitar nele.
Não, a culpa é minha, hoje pago pelos meus erros.
Erros cometidos, que vou lembrar enquanto viver.



Volnei Rijo Braga

Postado em: 09/07/06




Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 10/07/2006
Código do texto: T190928
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147472 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 08:49)
Volnei Rijo Braga