Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Dono do Dia

Hoje,quero um par
de asas
para enfeitar
minha festa
interior.

Quero
sobrevoar
sem pairar.

Quero
a posse, sem
dela ser dono

Estou,assim,
sujeito à falta
de missão dos
desfeitos.

Perto, muito perto,
hoje é tempo
só de idas.

Hoje é posse
de meu bem,
de auréola ilminada,
e banhada de flores.

Hoje, dou alargos a todos,
hoje sou dono do dia.

Hoje,ninguém me leva de graça
para o céu de dor;
e me deixe encontrar
os partidos.

Hoje, sou de vida,
retenho a morte,
sou dono dela
e de sua sobra de beijos.

E quando ela ganhar a vida
ganho também um beijo,
um desejo, e um abraço enluarado
de ternura.

José Kappel
Enviado por José Kappel em 11/07/2006
Código do texto: T191614
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Kappel
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil
2147 textos (26777 leituras)
1 e-livros (125 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 20:40)
José Kappel