Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Inocência

Angélica T. Almstadter
 
Façam silêncio um instante;
Morreu a inocência,
Cultivada desde menina.
Num suspiro de carência;
Se foi da minha retina.
Silêncio!
Nessa noite ansiosa,
Morreu a ingenuidade,
Suspirando amorosa.
 
O que eu faço agora?
Nessa ilha de desejos,
Imersa na maturidade,
Desse corpo de saudade.
 
Façam silêncio por um instante;
Para que eu vele minha inocência,
Com sussurros de amante,
Visitada pela coerência.
 
Silêncio!
Para que eu guarde com cuidado;
O  beijo comportado,
Os sonhos não vividos,
E essa porção de recados,
Amarelados e esquecidos.
 
Façam silêncio por um instante;
Para eu chorar pela inocência,
Que morreu nesse leito;
No abraço doce e insinuante,
Imposto pela vivência,
Que agora lateja no peito.
Angélica Teresa Almstadter
Enviado por Angélica Teresa Almstadter em 24/05/2005
Código do texto: T19227

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angélica Teresa Almstadter
Campinas - São Paulo - Brasil, 62 anos
1054 textos (55645 leituras)
25 áudios (3274 audições)
1 e-livros (247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 12:23)
Angélica Teresa Almstadter