Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vida de Criança

Já fui criança,
sonhador de mundos,
rei das sombras,
encosto de árvores.

Já fui criança,
dono de bolas de gude,
franzino em corridas de mocinho,
dono de parques e
voador em cipós mágicos.

Tudo isso eu fui.
Dono de todas as mentiras
e descobertas.
Porta de apanhar,
casa de fugir,
pai prá bater,
avó prá alisar.

Fui dono,
fui sonho,
fui perdido e
achado.

Mas nunca
fui embora
de mim mesmo,
nem me deixei
ao ralo tempo
me descoberto.

E assim passava meus
dias;
até que os dias resolveram
passar por mim,
e me deixar descabido e adulto,
sem ser dono de nada e de ninguém.

Nem da própria sombra da mulher,
que, um dia bateu duas portas,
e foi descobrir os homens.
Todos eles incertos.

Fiquei, dei adeus,
e me perdi de novo
na velha infância,
onde, relembro detalhe
por detalhe de cada agonia,
agora,
já na casa
dos loucos!
José Kappel
Enviado por José Kappel em 13/07/2006
Código do texto: T192936
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Kappel
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil
2147 textos (26788 leituras)
1 e-livros (125 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 20:24)
José Kappel